6 itens que um executivo não pode “sonhar” em ficar sem – InfoMoney

Celulares, notes e tablets são alguns dos itens indispensáveis para um executivo, mas não os únicos. Veja a lista completa

Por Eliane Quinalia

Ser um executivo exige mais do que dedicação, exige disponibilidade: mesmo fora do cotidiano de uma empresa, um bom profissional precisa estar atento à qualquer oportunidade que possa surgir. Por isso, não importa onde ele vá, o ideal é que o mesmo sempre tenha à mão alguns itens essenciais que possam ajudá-lo no mundo dos negócios.

Quem quiser causar uma boa impressão, por exemplo, precisa primeiramente cuidar da própria imagem. Assim, as roupas e acessórios devem ser cuidadosamente selecionadas. “Com uma boa imagem fica mais fácil ganhar a confiança de quem está do outro lado”, diz a gerente da Page Personnel, Fabricia Antunes. Segundo ela, o sapato precisa estar engraxado, o cabelo alinhado, as unhas aparadas e as roupas compatíveis com a ocasião.

“Antes de optar por uma roupa, o executivo precisa avaliar com quem será o encontro. Se for com um publicitário, talvez uma roupa mais leve possa contar pontos à favor. Já se o encontro for com um recrutador, o visual tradicional segue como o mais indicado”, explica.

Outros itens
E engana-se quem imaginar que apenas boas roupas sejam indispensáveis em um encontro. Outros itens como celulares, tablets, canetas e até mesmo carros também são fundamentais para o dia a dia de um executivo.

“Uma caneta plástica com a tampa roída pode depor contra um profissional que queira causar uma boa impressão. Da mesma forma, um bom relógio pode contar muitos pontos à favor”, diz Fabricia, que ao lado do diretor Executivo da Thomas Case & Associados/Case Consultores, Ricardo Munhoz, ajudou o Portal InfoMoney, a listar os seis principais itens que um executivo não pode “sonhar” em ficar sem.

Não pode faltar
Confira abaixo os 6 itens informados pelos profissionais:

Carro: segundo Fabricia, ter um um carro é importante, mas não um carro qualquer. “O veículo indica a importância do profissional na empresa. Assim, um carro de mais de R$100 mil mostra no posicionamento do executivo na companhia”, diz. Por isso, quem quiser passar uma boa impressão em um almoço de negócios, não deve apenas desfilar com seu luxuoso carro por aí, mas também assegurar que o mesmo estará limpo o suficiente para receber um cliente.

Cartão de visita: indispensável, o cartão pessoal tem um papel estratégico na vida de um executivo: ser lembrado na hora que uma boa oportunidade de negócios aparecer. Por isso, não importa o destino, leve sempre alguns cartões com você. “Um executivo nunca sabe quando encontrará um cliente em potencial ou quando uma oportunidade de negócios irá acontecer”, explica Munhoz, que garante que ter um cartão sempre à mão pode ser de grande valia em qualquer situação.

Caneta: esqueça as esferográficas comuns, um executivo jamais pode se dar ao luxo de andar por aí com uma caneta qualquer. Sem alguma então, menos ainda. Segundo Munhoz, ter uma boa caneta traz um ganho enorme à qualquer profissional. “Assinar um contrato com uma Montblanc, por exemplo, passa a imagem de alguém bem sucedido. E no mundo dos negócios, uma boa imagem é tudo”, diz.

Pasta: Nem antiquada, tão pouco moderna demais. Uma boa pasta deve traduzir a imagem do executivo, sem estar fora da moda atual. Outro item que deve ser observado é o conteúdo no interior da pasta. Uma boa dica é levar sempre um kit de apresentação da empresa, afinal, como já dito anteriormente, uma oportunidade de negócios pode surgir casualmente em qualquer lugar.

Smatphone, note e tablet: comunicação é essencial, por isso, não é à toa que tais equipamentos sejam tão indispensáveis nos dias de hoje. Antes de sair, o executivo deve se lembrar de todos os itens, mas não apenas deles: os acessórios também são importantes. “Leve sempre o carregador dos equipamentos, um modem 3G – para acessar a internet de qualquer lugar -, e não se esqueça de ter um adaptador universal de tomadas sempre com você”, recomenda Munhoz, que garante que muitos executivos ainda sofrem com a questão das mudanças de tomadas no Brasil. “Às vezes, o executivo está em um hotel ou em um evento e percebe que seu equipamento não pode ser carregado em nenhuma tomada local.”

Aplicativos: programas que possam facilitar a rotina também são muito indicados, especialmente nos dias atuais. Na App Store ou no Google Play diversos aplicativos (pagos e gratuitos) estão à disposição de quem se interessa por aplicativos. Entre os mais recomendados, as calculadoras científicas, agendas, calendários de negócios e programas de acesso ao mercado financeiro, são os que mais se destacam.


Ariel Cannal

Os comentários estão fechados.