Marketing pessoal

Marketing pessoal

Falaremos sobre um assunto que faz parte da carreira de todo profissional: marketing pessoal.

Todos nós já conhecemos alguém que apesar de ser muito competente não se destaca no meio profissional e nos perguntamos o porquê disso. A resposta costuma ser simples, apesar de muito qualificada, essa pessoa não soube “vender” sua imagem. Isso nos leva a concluir que não basta ser bom, é preciso que as pessoas saibam que você é bom.

Divulgar a sua imagem é fazer marketing pessoal. É preciso ser visto de tal maneira que as pessoas gravem sua imagem na memória de forma simpática, positiva e duradoura. No entanto, é preciso cuidar de diversos pontos para garantir a realização de um marketing pessoal eficiente: postura profissional, ética, aparência e relacionamento com os colegas. O sucesso de sua carreira depende de como você lida com esse produto que é você mesmo, ou seja, como cuida da sua apresentação.

Vale lembrar que para conquistar a confiança das pessoas é preciso ser autêntico e sincero, não caia na tentação da propaganda enganosa, pois mais cedo ou mais tarde sua competência será posta a prova, e aí os resultados mostrarão o quanto foi íntegro como pessoa e profissional ao apresentar suas qualificações. Todo o esforço para divulgar uma imagem positiva e um bom trabalho deve sempre ser baseado na verdade.

Seguem algumas dicas para começar hoje mesmo a divulgar seu produto:

Seja sutil: A linha entre a promoção da imagem e a arrogância é bastante tênue. É preciso ter cuidado para divulgar suas qualificações com humildade e sutileza, caso contrário, poderá gerar antipatia e afastar as pessoas.

Seja melhor a cada dia: Invista e se esforce para aperfeiçoar continuamente o produto que vai trazer benefícios e prosperidade para a sua carreira: VOCÊ! Analise suas ações, corrija os erros e melhore todos os dias, é preciso ser verdadeiramente bom para mostrar isso aos demais de forma natural.

Seja sociável: Participe dos eventos da empresa, são ótimas oportunidades para conversar com profissionais de outros departamentos, trocar informações, divulgar suas ideias e tornar-se mais conhecido. Caso não esteja trabalhando, procure participar de eventos relacionados à sua área de atuação, conheça pessoas novas e busque informações sobre o mercado de trabalho que poderão favorecer sua recolocação.

Seja profissional: No ambiente de trabalho, o colaborador é observado em tempo integral, por isso, saber diferenciar os comportamentos que se adequam a cada situação é imprescindível para quem quer crescer profissionalmente. É preciso ficar atento a atitudes inadequadas como falar de assuntos pessoais ao telefone da empresa, acessar sites ou trocar e-mails com assuntos não relacionados ao trabalho, discutir com colegas de equipe, falar alto e atrapalhar o trabalho dos demais, entre outros. Assim como aspectos positivos são propagados na empresa, o mesmo ocorre com os negativos e em proporção muito maior, por isso alguns comportamentos são extremamente prejudiciais à carreira.

Seja ético: Para se destacar não é preciso falar mal dos colegas ou do trabalho deles, basta ser dedicado, comprometido, interessado e bem relacionado, o resto acontecerá naturalmente. Em entrevistas de emprego nunca faça comentários negativos sobre ex-empregadores.

Diante das diversas questões abordadas aqui, concluímos que o caminho para ser promovido ou contratado é se preparar, apresentar seu produto e se fazer conhecido. Continuaremos este assunto em nossa próxima edição, quando falaremos sobre Networking.

 

Um forte abraço,

Equipe Thomas Case & Associados

 


Norberto Chadad

Norberto Chadad é Engenheiro Metalurgista pela Universidade Mackenzie, Mestre em Alumínio pela Escola Politécnica, Economista pela FGV, CEO da Thomas Case & Associados e Fit RH Consulting, e tem “Paixão por Pessoas”.

Os comentários estão fechados.